rain maker - Costa Rica

não se descreve a chuva. e só se dá por ela quando falta ou cai em demasia. assim é este blog. é, ou não é.

9.05.2005

ciganos I


era pelo verão, pelas feiras que chegavam.

de burro ou em carroças cheias. crianças empilhadas e cães correndo ao lado. parecia estarem em festa sempre, apesar do cansaço da viagem que começara onde?

a outra miudagem ficava-se a olhá-los à distância num misto de insegurança (ouvida nos avisos dos pais) e de atracção pela liberdade que emanavam.

paravam junto aos rios se os havia, senão perto de fontes ou de poços. montavam acampamento num alarde de vozes que se entendiam vá lá saber-se como, de tantas e tão altas!

os homens fumavam mais do que faziam.

as mulheres, montadas as tendas, tratavam da comida, que os filhos já lhe puxavam as saias a arrastar o chão.

eu ia devagar, escondida de árvore em árvore e acocorava-me como as árabes, a vê-los.

eram mágicos.

para mim, pelo menos, eram. sonhava um dia poder segui-los e nunca mais ter terra minha onde voltar.

e era um sonho bom que tinha asas.

lá acorria dia após dia, às escondidas, até ser encontrada pelos mais novos e entrar nos jogos diferentes que sabiam.





ouvido o chamamento dos pais, desaparecia, que a intrusa era eu.

ninguém o disse nunca. estava implícito.
as crianças entendem-se em silêncio, quase sempre.

mas era para voltar que me afastava.

----------------------------------------------------


e é para voltar a eles, os ciganos, que hoje retomo um tema que me é tão caro como o era então.

16 gotas:

Blogger Lumife deixou estas gotas

Vivi e cresci junto a ciganos e deles tenho saudades imensas.

Pintaste um quadro real que tão bem conheço.

Bjs.

5/9/05 3:28 da tarde  
Blogger romero deixou estas gotas

déjame decirte que los andaluzes hablan como gitanos.:)
Mio mejor amigo es gitano ( casi..ejej)
Conosco la Cofradia de los gitanos sevillanos y son personas de bien.
Te dejo su link en la web :http://www.hermandaddelosgitanos.com/

5/9/05 4:51 da tarde  
Blogger paper life deixou estas gotas

É Lumife, sei que Tu sabes mas, estamos em Lisboa onde os ciganos vivem encurralados em ghetos.

Ontem no Romero tropecei num nick de reacção estranha e fui espreitar. Um dó. Xenofobia pura.

Agora enquanto não chegar ao fim não calo.

(podem é não me ler, lolol)

Beijos.

:)

5/9/05 4:51 da tarde  
Blogger paper life deixou estas gotas

Olá Romero. Tiengo una foto de eso link para poner en el proximo post.

:D

Besos para ti.

5/9/05 4:54 da tarde  
Blogger Dizzie deixou estas gotas

-Rain, como entiendo, sabes q siempre me quedava con alguna curiosidad de "vivir" como ellos...
La union, la tradicion, tanto que tienen de bueno...solo tienen una cultura diferente, nada mas...pq se deberia excluirlos de la sociedad??

Tienes toda la razon de no quedares callada, estoy ctg en eso...:)

Gracias tb por tu cariño en nuestro blog, me emocionaste, besitos

5/9/05 4:58 da tarde  
Blogger romero deixou estas gotas

Yo fue ver ese blog y me quede muy aburrido, rain. Malos y buenos hay en todas las sociedades.

Mira rain, esa chica (dizzie) está a seguirme ! hasta aqui :p

Besosssssssss fue tapear :$

5/9/05 5:17 da tarde  
Blogger Dizzie deixou estas gotas

-AHHH.....Rain perdoname, pero el....bahhhh!!
q cosa, chico!! Para con eso, vale!

Rain, perdon por este chico, vale?!

:))

5/9/05 5:21 da tarde  
Blogger paper life deixou estas gotas

Mira, dos niños jugando, de amor. guapissimo!

Besitos para los dos.

:D :D :D

5/9/05 5:23 da tarde  
Blogger wind deixou estas gotas

Gostei deste post. Sempre me fascinou a cultura cigana, principalmente a sua música. Agora (e desculpa) há ciganos que não têm nada a ver com os ciganos de que falas. bjs

5/9/05 5:27 da tarde  
Blogger paper life deixou estas gotas

wind, lol, sempre apressadsa. Ainda há os próximos capítulos.

Mas sobre o que disseste o Romero já respondeu acima.

Ou não há brancos corruptos. ladrões, assassinoss, traficantes e em maior quantidade?

(escusavas de ler esta lolol)

Bjs ;)

5/9/05 6:20 da tarde  
Blogger batista filho deixou estas gotas

Não quero me adiantar muito nos comentários. Como disseste, há mais por ser publicado. Prefiro esperar. De todo modo, algumas questões ressalto:
1) O pulsar da vida que emana das palavras atesta conhecimento do que descreves;
2) não principia esse relato de forma imparcial, mas sim apaixonada, o que lhe confere um caráter profundamente humano;
3) humana é a maneira pela qual enxerga os ciganos. O que logo se vê quando as crianças se irmanam nas brincadeiras, independentemente das admoestações dos adultos.
Esse texto promete!!!

5/9/05 6:24 da tarde  
Blogger ognid deixou estas gotas

durante alguns anos os ciganos acampavam mesmo ao pé da casa onde vivia então. em miudo. mais tarde voltei a encontrá-los pela beira baixa e alto alentejo. fascinam-me também. beijos minha Irmã.

5/9/05 7:43 da tarde  
Blogger LUA DE LOBOS deixou estas gotas

Numa outra vida fui cigana por certo... nunca entendi como eles se chegam numa alegria e familiaridade invulgares::))
Nunca tive qualquer problemas com esse povo.
belo post

5/9/05 10:33 da tarde  
Blogger Quem sabe... deixou estas gotas

-As tradições ciganas...como em miuda eu era apaixonada por esta cultura...e ainda hoje acho q sou.

Nunca tive qq problema com eles...pelo contrário, não que não tenha cuidado em algumas situações, pois infelizmente não saõ todos iguais....mas e n´s, somos?!
São mt unidos, e pq não?...se todas as familias fossem assim, até pq as vezes tem ate mesmo a ver com "comunidade"...

Bjs, e continua :)

5/9/05 11:43 da tarde  
Blogger adesenhar deixou estas gotas

Como é bela a Liberdade :)

:)

Maker

venham mais posts de " gitanos "

onde está o problema afinal !

até é um tema que pode e muito bem ser aprofundado :)

tens o meu apoio :)

:)

6/9/05 1:27 da manhã  
Blogger adesenhar deixou estas gotas

maker

vem a propósito, já que o tema está no ar :)
e porque as pessoas falam sem saber,
nunca é demais conheçer um pouco a história dos ciganos, como é exemplo esta página que encontrei :)

http://www.unionromani.org/histo.htm

:)

bjs

6/9/05 1:34 da manhã  

Enviar um comentário

<< Home