rain maker - Costa Rica

não se descreve a chuva. e só se dá por ela quando falta ou cai em demasia. assim é este blog. é, ou não é.

8.14.2005

copper tone

copper tone Photo by Judy Epstein

marcada a tons de cobre
pelo nascer
não suporto o amarelo-branco
que há no verão
fere-me os olhos não posso
repousar

devo ter visto as folhas a cair
suaves aves
no meu primeiro despertar

preciso delas
e da chuva a bater-me nas janelas
para enfim dormir
e não pensar.

9 gotas:

Blogger wind deixou estas gotas

Bonita foto:) Aguardo a continuação.lolololbjs

14/8/05 12:15 da tarde  
Blogger wind deixou estas gotas

Lindo poema outonal;) bjs

14/8/05 6:10 da tarde  
Blogger Mocho Falante deixou estas gotas

ó pá Cooper Tone, lembra-me sempre o anuncio do bronzeador

Coopertone está contigo
Trazendo o sol amigo
Para o teu bronzeado
corpo doirado

Valeu pela linda musica e pela imagem maravilhosa

14/8/05 7:09 da tarde  
Blogger paper life deixou estas gotas

Olha, o mocho alegra ainda anda por aqui!

:D

Ainda não partiste e já fazias falta...

:)

Bjs

14/8/05 7:54 da tarde  
Blogger batista filho deixou estas gotas

Na minha região de origem só existem duas estações: a das chuvas e a da seca...
No teu caso, tens é quatro estações!... o dobro de motivos para filosofar. :)

14/8/05 8:48 da tarde  
Blogger paper life deixou estas gotas

Tinha Batista, tinha quatro estações...

Foram-se. A falta de vontade política no mundo está acabando com os climas que estudei na infância.

:(

Abraço, Amigo.

14/8/05 8:58 da tarde  
Blogger Lumife deixou estas gotas

Repousante...

15/8/05 2:19 da manhã  
Blogger ognid deixou estas gotas

olha minha irmã, eu nasci neste malfadado mês de férias, calor e incendios e dele tenho, até à minha adolescencia, as melhores recordações. principalmente naquela minha terra ao sul :) mas de há uns anos para cá identifico-me plenamente com o que aqui dizes: a luz fere-me, o calor paralisa-me. preciso das cores do outono, preciso da chuva. beijos

15/8/05 9:40 da manhã  
Blogger LUA DE LOBOS deixou estas gotas

precisamos de luz difusa e não de um sol ardente e impiedoso... precisamos de nascentes que surgem de rochas com aquele ruido tão fresquinho... precisamos de Outono, é isso!

15/8/05 10:07 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home